Panorama Fintechs: O que você precisa saber primeiro?

Por Nicholas Merlone

Contexto Global

A Globalização tem duas faces da mesma moeda. Ao mesmo tempo em que abre portas, fecha outras. Isto é, proporciona tanto desenvolvimento econômico, como desigualdades sociais. Nesse panorama, o setor financeiro vem passando por amplas mudanças. Dentre as mudanças sofridas pelo setor, há questões como segurança digital e Big Data. Porém, além dessas, justamente se encontram as Fintechs, que surgem causando impactos no âmbito global financeiro. Quanto a elas, não se trata de um bom insight mas, sim, de solução para problemas.

“O Brasil passa por momento propício ao empreendedorismo, financiamento e internacionalização de negócios…

O que são Fintechs?

Fintechs (financial + technology) são Startups que procuram prestar serviços inovadores no setor financeiro. Utilizam, assim, a tecnologia como base para impulsionar suas atividades e facilitar o atendimento de clientes. Enquanto instituições financeiras tradicionais se perdem em meio a trâmites e processos, as Fintechs agilizam o atendimento dos clientes, bem como humanizam tais serviços. Para tanto, é possível que o consumidor tire suas dúvidas pela internet, sem ter de se deslocar a uma agência bancária.

Por que as Fintechs vêm crescendo?

As Fintechs vêm crescendo, dentre outros motivos, devido ao ambiente de inovação instalado no País. Como exemplo, temos a iniciativa do Google Campus São Paulo, que, entre outras atividades, funciona como incubadora de startups. Igualmente, temos universidades e centros de pesquisa, que também colaboram para o desenvolvimento das novas empresas. Isso sem deixar de mencionar a importância capital do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas).

“Os Grandes Bancos se aproximam das Fintechs porque temem ser atingidos por tecnologia disruptiva que atrapalhe seus negócios

Tecnologia como Combustível

A Folha On Line, por sua vez, traz importante notícia: “Tecnologia amplia crédito para microempresa“. Assim, nova regra permite que startups financeiras concedam empréstimo a pequenos sem intermédio de bancos. Trata-se, com razão, do microcrédito ao pequeno empresário.

Notamos, assim, que a questão chave do funcionamento das Fintechs se trata justamente do uso de Tecnologia, para desempenhar sua função. 

“Para ter parceria proveitosa com Fintechs, Grandes Bancos não podem colocar obstáculos à Inovação

Serviços oferecidos

As Fintechs oferecem serviços triviais como cartões de crédito, crédito pessoal, seguros e pagamentos. Por outro lado, se destacam no que se refere a aplicativos de gestão financeira. Estes aplicativos de fato são diferenciais das Fintechs. Isto porque encantam a experiência do cliente, em detrimento dos serviços similares prestados por bancos e outras instituições financeiras.

Dúvidas Jurídicas

– Qual é o primeiro passo para abrir uma Fintech?

– Fintechs possuem um processo diferente de empresas comuns?

– Quais os documentos necessários pela Lei para abrir uma Fintech?

– Em que o Empresário precisa focar depois de tudo pronto para abrir sua Fintech?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s